Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A ANDORINHA

Ah, surpresa constante
faz o livre vôo da andorinha
sobre a campina em flor;
vôo rasante, irregular
regido pelo rumorejar
de ares frios no dia nascente.
Vai-se ao sul; não mais.
Vai-se ao leste; ou então
volta atrás, parecendo
renascer como Alceste.
Ah, como é franco este voar
que imprime contra o azul
um tão pequenino porte.
Como as assertivas
em meus versos
a andorinha, vareja
sempre sem norte.

RicardoSReis
Enviado por RicardoSReis em 08/11/2007
Código do texto: T729275
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
RicardoSReis
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 59 anos
25 textos (917 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 15:59)
RicardoSReis