Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Herança


Água límpida, pura e cristalina,
Risos em regatos rumorejantes,
Desses meus tempos de menina,
Recordo claros dias já distantes.

No Inverno o gelo brilhante e frio,
Os campos já lavrados, recobrindo,
Bebendo da água da fonte no estio,
E no fundo poço os peixes sorrindo...

A rega na horta e no florido jardim...
Brincando na fresca água, já molhada,
Sentindo a alegria de menina amada...

E os filhos de agora, recordarão assim?
Se a água hoje, poluída, engarrafada,
É o lhe damos da herança a nós deixada...
Fada das Letras
Enviado por Fada das Letras em 01/12/2005
Código do texto: T79613

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Fada das Letras
Almeirim - Santarém - Portugal, 60 anos
243 textos (32148 leituras)
3 áudios (178 audições)
5 e-livros (288 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 15:04)
Fada das Letras