Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um grande mistério entre as linhas...

Ah, pois o gosto pela vida a gente não esquece...
A gente só o deixa de lado por achar que a tristeza
pode ajudar a preencher o vazio,
ou aceitar algo ruim.

Ah, pois veja como é a felicidade:
Uma criança brincalhona
que se esconde,
soberana em seus versos,
misteriosa como a vida.

Só ela é capaz de criar mundos,
junto com o amor,
só eles juntos são capazes de nos fazer sonhar
com terras distantes, mágicas, desconhecidas.

Na caminha da VIDA,
tantas vezes julguei que a depressão
fosse preencher o vazio em mim.
Mas ela me deixava pesada e presa,
e o vazio que pensei existir era a propria tristeza...

Por que cometer sempre este erro?
Pois a VIDA prega peças assim,
e depois de tantos erros e acertos
descobrimos finalmente o que é bom ou ruim.

A Felicidade, única e tão almejada,
já é perfeita por si só.
Preenche o que falta em nós,
e nos faz reencontrar o gosto de viver.

Não a trocarei mais por lágrimas de tristeza,
pois a Felicidade, sozinha, já me basta,
Só ela de todos os sentimentos consegue nos fazer
Chorar de tanto a ter, sorrir por a alcançar,
e morrer, quando já formos parte dela.

E eis o mistério da Vida.
Alecrim Crim
Enviado por Alecrim Crim em 19/08/2006
Reeditado em 26/10/2007
Código do texto: T220098

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Dou os créditos a Julhana Pohlmann pois só ela entende seus textos. Visitem seu site no Recanto das Letras!). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Alecrim Crim
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 27 anos
374 textos (14585 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 21:51)
Alecrim Crim