Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FINGIR SER FELIZ

             O mar de tristeza que me inunda
                 Torna-se ao mesmo tempo
            Vastas águas que navegam até a mim
           O consolo de tentar viver a felicidade
        Que tanto some dos olhos de quem há precisão
                    E ao mesmo tempo
       Que escapole em busca do disfarce da ausência
                 Fazendo do inferno, céu
                   Das rosas, espinhos
                   Do triste, o alegre
                 Da companhia, a solidão
                      Do mal, o bem
                   Da escuridão, a luz
                  Do bonito, o horrendo
                   E da morte, a vida
Pablito
Enviado por Pablito em 26/09/2006
Código do texto: T250076
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Pablito
Itaituba - Pará - Brasil, 25 anos
3 textos (160 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 10:29)