Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Devaneios da manhã

Devaneios da manhã

Que claro dia iluminou-me a face,
Despertou meu coração em calmaria,
Acordei de um sonho de alegria,
Sem ao menos lembrar o que pensaste.

Mas mais que uma noite bem dormida,
É o calor que nos aquece o corpo,
Esquenta a alma bem tranqüila,
Uma sensação que me alimenta a alma.

São dias que tenho me sentido plena,
Um alimento que me preenche por inteira,
Eu acho que é o amor que me alimenta,
Por ter pessoas que enxergam beleza.

O que seria do mundo sem o belo?
Tão triste, cinzento e feio,
Quero é mais viver por inteiro,
Lembrando do amor que ainda me resta.
Maisa Romero
Enviado por Maisa Romero em 31/08/2007
Código do texto: T632039

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maisa Romero
São Paulo - São Paulo - Brasil, 32 anos
12 textos (627 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 08:19)
Maisa Romero