Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Felicidade Verdadeira

A força que estende nossos lábios aos cantos da face,
Que preenche alma e corpo em único momento,
Mostrando dentes, mesmo que não os tenha,
Considera admiração de gesto simples,
Porém, reconhecido onde quer que esteja,

Admirada beleza do que há ao redor,
Mesmo telhado cheio de fuligem e fungos,
Parece harmonioso em obra de arte,
O ar mais leve e a presença alheia acolhedora,
Passando como doença contagiosa e milagrosa,

Uns aos outros de suspiros e paz no espírito,
Correm lágrimas, gotas sorridentes de exagerada emoção,
Fertilizando corpos como chuva em terra árida,
Aquece-se nos abraços de contemplante vida,
Lavando amarga existência humana,

Feito água que mata sede,
Da alforria do pensamento escravizador do cotidiano,
Criança parecemos ser nestes instantes,
Maduros o Suficiente para degustar e demonstrar,
Sinceridade, honestidade, companheirismo, amizade... Amor.
Léo Azevedo
Enviado por Léo Azevedo em 27/09/2007
Código do texto: T670239

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Citar o nome do autor e link da obra). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Léo Azevedo
Maceió - Alagoas - Brasil, 36 anos
47 textos (1846 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 20:36)
Léo Azevedo