Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quem sou eu

Quem sou eu, talvez nem eu saiba,
Talvez eu tenha medo de descobrir,
Talvez eu seja um ser cruel e maqueavelico que não se importa com o sentimento dos outros ou apenas pensa mais em si própria;
ou quem sabe ainda sou uma pessoa especial com valores e principios que ninguem nunca soube dar valor.
As vezes axo que sou meio revoltada,
não esqueço dos passos em falso que dão comigo,
mas esqueço de falar sobre a importancia de pessoas que sempre andaram na linha;sou muito desconfiada,tenho medo de arriscar e me machucar e talvez seja por isso que vivo cheia de não me toques e bloqueios, termino com algo antes que isso possa me machucar e as vezes o arrependimento bate e eu me machuco mais do que se tivesse deixado rolar, mas sou assim mesma, por ser teimosa não volto atras, levanto a cabeça e sigo em diante.
Como diz uma amiga: "tudo passa, principalmente o ferro"...tudo volta as boas,e aí seguem as festas, seguem as amizades, segue o sorriso no rosto;seguem também as dificuldades as respondabilidades e os dias de mal humor, são os detalhes que me tornam diferente, é o teu modo de agir que vai dizer como eu agirei contigo!Sou o que sou mas o que dizem me abala, criticas não só me fazem mudar como também me encomodam muito, busco a felicidade que não sei onde está, mas que sei que encontrarei num futuro não muito distante daqui.
Não sou auto-suficiente, busco ajuda em pessoas próximas a mim, nem sempre sou atendida mas sempre compreendida.
Tenho mania de ser grossa as vezes e mordo os lábios quando estou nervosa, não me abro quando tenho um problema, mas minha mãe sempre percebe!Eu era mais feliz quando fazia terapia!!!
Fico sonhando acordada e fico imaginando as coisas diferentes, mas em um segundo volto a realidade e daí me machuco pois vejo que tudo é muito diferente.
Ja fiz muita besteira mas muitas coisas certas também, ja fui um exemplo a ser seguido e ja segui exemplos.Tenho opínião sobre tudo, mudo de opinião muito facil e as minhas opiniões não são feitas apenas de informação mas também de experiencias;sou inteligente mas tenho notas baixas, sei que estou errada e assim mesmo eu persisto no meu erro, me machuco uma vez e logo dou a cara a tapa novamente...
Talvez eu não seja diferente, talvez eu seja anormal ou quem sabe ainda eu seja a conseqüência de um mundo sem escrupulos, ou ainda a culpa seja só minha e eu que não sei reconhecer; o tempo esta passando e eu não quero ser lembrada como só mais um ser com defeitos que habitou esse mundo, queria que alguem lembrasse daquela menina que sabia o que queria, aquela que sabia brigar, com pose de metida, cara de insuportavel e coração de criança, aquela que era menina quando queria e mulher quando era preciso.
E agora, eu me pergunto...quem sou eu?e só existe uma resposta possivel:Catia Henn, um ser humano possuidor da máquina mais perfeita ja criada, que é o nosso corpo, mas tão cheia de defeitos que qualquer pessoa levaria anos para descobrir todos eles.
Catia Henn
Enviado por Catia Henn em 05/11/2007
Código do texto: T724120

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Catia Henn). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Catia Henn
São Carlos - Santa Catarina - Brasil, 24 anos
7 textos (584 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/08/17 20:57)
Catia Henn