Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
O BRILHO POÉTICO

As pessoas trazem consigo certo brilho.
São estrelas.
Nascem, crescem e começam a brilhar
No seu caminho de sonhos
Nada as ofuscam, sabem reconhecer
Que seu brilho é seu destino e objetivo final
E há quem se encante com seu mundo real.

São contempladas, admiradas
Umas mais próximas outras mais distantes
E agem de maneira confiante
Na sua jornada como passageiro
Viaja e viaja o dia inteiro. Isso é comum.
Encontra muitas outras estrelas menos conhecidas
Nas estações, à espera de um trem para lugar nenhum.

Aceitar as estrelas que conhecemos
É o que faz diferença entre o verdadeiramente ser
E o que realmente queremos
Brilham porque acreditam na força que têm
Desvendando seus mistérios
Derramando sua alma vivem a luzir
Como candeeiros que, onde quer que se vá,
Possam clarear e a outros conduzir

Você caro poeta, é essa estrela
Como sal equilibra cada emoção
Essa felicidade intensa
Hospedada em seu coração
É como redemoinhos
Iluminando caminhos,
Como cantares da vida
Nos versos de todos os dias
É como o perfume da flor
Encontros de emoções e sentimentos
No ritmo das vozes que cantam o amor.
Maria Loussa
Enviado por Maria Loussa em 24/11/2007
Código do texto: T750798

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor e o link para o site www.loussa.prosaeverso.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Loussa
Posse - Goiás - Brasil
391 textos (137181 leituras)
5 áudios (372 audições)
4 e-livros (1916 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 12:16)
Maria Loussa