Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Criar

Em meio a um pobre momento branco,
Numa explosão de vida surge
Um alarido dos anjos a toda parte
Como estrelas cadentes a minha volta.

O brilho da verdade me assedia,
Cega-me  de ideal estonteante
E mais que de repente,
Neste sonho de luz que me alucina,
Desabrocha a Arte, simplesmente.
_Escuta !... BUUM !
Ouviu ?
Surgiu o sol que doura minha mente !

Do branco se faz a magia
E da ansiedade renasce o arco íris
Que preenche de cor a minh'alma.

Neste vôo louco e desejado,
Verdades  flutuam no pincel
E  a navalha de tinta
Num só grito liberta,
Respostas que o homem finge não ver,
Êxtase que enche de sol os olhos do mundo.

Espalha Flores
Enviado por Espalha Flores em 26/11/2007
Reeditado em 03/01/2008
Código do texto: T753388
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Você deve citar a autoria de ISABELLE NOGUEIRA PROENÇA). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Espalha Flores
São José dos Pinhais - Paraná - Brasil, 54 anos
55 textos (2240 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 19:18)
Espalha Flores