Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A um grande amigo...

Num ponto achei o ponto
Para início do poema...

Duas vírgulas que pausam
Sobre seu olhar...
Dizem mais que o conjunto de sua face,
Que deslizam num sorriso maroto e envolvente,
Não diria caliente,
Mas convincente.
O que certas mulheres poderiam chamar de atraente.

E para completar,
Na pele cor de jambo
Com sabor e essência de um tango
O jovem rapaz a sonhar
Passa os dias a fotografar
Luzes, flores, mar...
Num diálogo infinito
Que a natureza fez questão de desenhar!

Um olhar no olhar do poeta
A verve que teima em aflorar
Tocar o ponto minimalista...
Na alma do artista
A contemplar....

Tijolo por tijolo
Que se unem na imaginação
Desde o miolo até a finalização
Da sua construção.

Artista por natureza
Engenheiro por vocação
Qual será a definição
Para o seu batalhão?

Sentido!
Sentir seria talvez o melhor caminho
De conhecer essa alma de menino...
Com grande coração
E enorme paixão,
Que encaminha seu próprio destino.



Gisele Lima
Enviado por Gisele Lima em 20/08/2006
Código do texto: T220587
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Gisele Lima
Sobradinho - Distrito Federal - Brasil
15 textos (1041 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 22:32)
Gisele Lima