Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Carta a uma Amiga

Venho nesta, minha amiga,
Falaste o quanto a amo,
Mesmo que a alguns anos
Me fizeste o que fez,
Acredito do perdão
E é o que posso te dar,
Mas não vamos recordar,
Esqueçamos de uma vez!

Noto eu, que em teus olhos,
Que nunca mentiram a mim,
O brilho está no fim,
perto de se apagar,
Pois se entrega ao coração,
Que tanto te faz sofrer,
Ama de mais sem saber,
Que depois te fará chorar.

Esse amor tão dividido,
Que tu dizes ser amor,
Pois o primeiro já findou,
E esse outro nunca viveu.
Sabe, acredito mais em você
E sei que tudo o que sonhar,
Mesmo que custe realizar,
Conquistarás o que é teu.

Pense mais em você,
Pois Deus sempre estará contigo
E mesmo perto do perigo
Terás forças prá lutar.
Pare de inventar sofrimento,
Pense mais em seu futuro,
Serás mais feliz, eu juro,
Se em você acreditar!

Sei que é muito difícil,
Tudo, um dia, esquecer,
Mas só depende de você
E não esqueças, tens mim,
Podes sempre contar comigo,
Pois sem muito prá te dar,
Tenho amor prá te ofertar
E serei amigo até o fim!

Acabe com isso depressa,
Será bem mais fácil esquecer
E um dia, então, vais ver,
Que realmente és feliz.
Não tenha medo de ficar “sozinha”,
Ë melhor prá se pensar em nós,
Prá escutar nossa própria voz
E percebermos o que se sempre quis.

Na vida tudo passa,
Tudo vem, tudo vai
E é tão bom olhar pá trás
E ver construído um caminho.
Não se receie de ser feliz,
A realidade é o que é
E quando os sonhos é o que se quer,
Não se consegue ficar sozinho.

Não se desfaz de uma vida
Pensado que não se conseguia
Pois sempre a um novo dia,
Um nascer de sol e um fim de tarde.
Somos o que quisermos
E não se perde o que na vida há.
Todos caminhamos prá encontrar
A nossa própria felicidade.
Eduardo Costa
Enviado por Eduardo Costa em 02/09/2006
Código do texto: T231033
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Eduardo Costa
Fortaleza - Ceará - Brasil, 29 anos
18 textos (1086 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 08:41)
Eduardo Costa