Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Boa Noite ao amigo

Hoje queria ver-te
queria ver-te só hoje;
anuviado meus olhos,
sozinho me vi nesta noite!

Como o orvalho, meus olhos
molhados estavam então;
fos-te embora pra sempre?
não moras em meu coração?

Não devo chorar-te a ausência?
que dizes tu para mim?
As lágrimas impedem de ver-te?
Boa noite! Vou ver-te amanhã?

Sabes porquê estou tranquilo;
amigo, amanhã voltarás!
as estrelas iluminam a noite,
prenúncio que o sol brilhará.

Não devo chorar-te a ausência,
amigo, amanhã voltarás!
Por hora eu digo boa noite!
Boa noite, vou ver-te amanhã!


Osvaldo de Oliveira
Enviado por Osvaldo de Oliveira em 19/09/2006
Código do texto: T244475
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Osvaldo de Oliveira
Viamão - Rio Grande do Sul - Brasil, 46 anos
6 textos (1399 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 14:55)
Osvaldo de Oliveira