Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Como não esperar....

Quanto tempo esperamos,
Para sentir o calafrio.
Não precisou de muito,
Para sentir o arrepio.

Faltava algo na nossa vida,
Uma emoção dos sentidos.
Como isso se explica?
Apenas viva o litígio.

Como que isso começou?
Há muito tempo não se explica.
Sentimento guardado por anos,
Hoje em dia, por dias.

Sempre há algo mais que sentimento,
Sempre nos perdemos nos medos.
Sempre desejamos o ardente,
Por sempre satisfazer os desejos

Ainda assim perdurará por anos,
Uma amizade imensa.
Sem explicações sobre a vida,
Somente querendo sua existência.
Fabio Melato
Enviado por Fabio Melato em 06/10/2006
Código do texto: T258050

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fabio Melato
Taubaté - São Paulo - Brasil, 33 anos
37 textos (2306 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 12:58)
Fabio Melato