Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Joaninha

Joaninha, Joaninha,
por que tristes estais?
Por que choras baixinho,
neste pequeno e,
 só teu mundinho?
Abra-o para a vida,
Deixe que alguém te console,
-um amor sincero,
inocente e puro-
pois a juventude que tens ...
-esta, felicidade só te trás!-
isto, é seguro!

Então!
 
 Não deixes que,
a tristeza te embole!
Esqueça lembranças!
-as ruins-
Suspire pelos teus ais,
sem fim!
-Corra atrás-
Corte estas tranças,
deixe que a esperança,
cresça e apareça!
Só assim,
a desesperança,
não te amola mais!
-Jamais!-
marinho
Enviado por marinho em 20/10/2005
Código do texto: T61348
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
marinho
Descalvado - São Paulo - Brasil, 67 anos
146 textos (78676 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 16:22)
marinho