Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Adoro essa


“O mundo contempla a poesia através de olhos:
Os teus são minha poesia.”


O pequeno sendo grande, absorver mais que aspirando.
Nasceu a viver de poesia.
Deixo seu cabelo assim como esta.
Também gosto dele assim.

Nas cordas sonoras das palavras que cantam seus sentidos
Quero aproximar desta alma tão doce e pura
Parece que o mundo extasiado espera teu acordar.
Tua existência repleta de vida em poesia.
Nasceu mais um dia sendo santa poesia.

Se dedilhar tua alma fosse possível
Que canções eu interpretaria?
Mal consigo absorver o reflexo
De tão forte a luz que encaminha.

E se hoje renasce em mais um dia
Humildemente toco nela quem sabe
Seus breves lampejos ou um novo brilho
Lindas ondulações de um leve acalanto teu olhar.

Adoro essa sim.
Mesmo que
Ela nem me veja
Eu a vejo todo dia.

Adoro essa
Mesmo que nem seja tanto
Mas é meu jeito
De gostar dela mesmo assim.
Lorenzo Giuliano Ferrari
Enviado por Lorenzo Giuliano Ferrari em 04/11/2007
Código do texto: T722726
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Lorenzo Giuliano Ferrari
São Paulo - São Paulo - Brasil, 54 anos
1817 textos (50950 leituras)
1 áudios (2457 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 01:46)
Lorenzo Giuliano Ferrari