Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Aos Amigos Malucos

A vida é mesmo uma caixinha de supresas...
Quando se pensa que não tudo pode mudar...
Há poucos dias eu queria me matar...
Mas agora eu deixei de pensar...

Às vezes a gente pensa até demais...
Como se tudo fosse máquina e dever...
Como se tudo não mudasse mais...
Mas hoje é um novo dia, um dia para viver...

Eu mudei muito nos últimos tempos...
Eu deixei de ser alguém para ser mudança...
Eu quero conhecer as proezas do mundo...
Eu quero viver cada última lembrança...

Aos meus amigos eu deixo meus sinceros agradecimentos...
Aos meus amigos eu quero também desejar muita sorte...
Pois daqui pra frente o mundo será uma palco dos meus sentimentos...
E eu estarei pensando nos meus amigos até no sussurrar da morte...

Vou para outros mares...
Navegar no verso e na tempestade...
Procurando novos lares...
Navegando na alegria e na amizade...

Um grande abraço cordial...
E um brinde às nossas aventuras...
Pois o tempo é mero imortal...
Testemunha das nossas loucuras...
Callis Morius
Enviado por Callis Morius em 26/11/2007
Código do texto: T753488

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Callis E. Morius - Pedro Penido). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Callis Morius
Itaúna - Minas Gerais - Brasil
38 textos (1438 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 02:42)
Callis Morius