Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ANJO VIRTUAL

ANJO VIRTUAL
A tarde vai avançando
O lusco-fusco vai chegando
Anunciando o anoitecer
Em reboada os passarinhos
Vão retornando aos seus ninhos
Como é gostoso de ver

É assim ao sol poente
Que o domingo docemente
Se despede de você
Logo é hora de deitar
De noite, estrelas e luar
Do gostoso adormecer

Aqui no meu velho torrão
Pedaço do meu sertão
Retalho do Ceará
Vejo toda esta beleza
Que a divina natureza
Vem de graça ofertar

Ah meu anjo virtual!
Como seria genial
Se tu pudesses voar
Vir pra juntos desfrutamos
felizes nos deliciarmos
Com a coisas do meu lugar

Aqui não existe riqueza
Que não seja a natureza
Em todo seu esplendor
Mas sei que  irias gostar
ALUAPEROD
Enviado por ALUAPEROD em 01/12/2007
Código do texto: T761216

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ALUAPEROD
Cedro - Ceará - Brasil, 52 anos
2 textos (155 leituras)
1 áudios (299 audições)
1 e-livros (14 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 00:58)