Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nossa verdade ninguém sabe

egoísta
eu sei
te querer assim
só pra mim

mas minhas intenções não são ruins
quando eu penso em te pegar
e fugir para um lugar tão longe
onde ninguém nos possa ouvir

seu cheiro
seu cabelo bagunçado
suas roupas nunca combinando com os seus sapatos
fazem de você
a definição do que é harmônico
a minha metade imperfeita

suas mãos
seu casaco ao contrário
suas poucas palavras nunca dizendo
o que realmente quer que eu faça
fazem de você
a definição do que é inconstante
a minha dúvida eterna

eu mudaria o mundo inteiro
estraçalharia rumos alheios
nos pouparia da história que já foi escrita para nós
para viver os próximos momentos
como se fossem os últimos com você

ainda que te fazer enxergar
seja a última coisa que eu tenha como dever aqui
não vou embora sem te mostrar
os motivos pelos quais eu vim

esquece o mundo lá fora
tenta viver para dois um pouco mais
que tempo é o que você tem de sobra
enquanto o meu chega perto do fim
Fernanda Galhardo
Enviado por Fernanda Galhardo em 19/01/2006
Código do texto: T100793
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Fernanda Galhardo
Santos - São Paulo - Brasil, 29 anos
27 textos (1230 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 09:38)