Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O SONHO DE MARIANA

[geradora do mini conto : "Num breve sono"]

Na placidez da lagoa
Mariana se espelhou
Era tarde quase noite
Quando a lua clareou !

Perguntou então à lua
- Onde anda o meu amor ?
E a lua se escondeu
Numa nuvem que passou

Uma folha na lagoa
Um broto d'água piscou
Meio claro,meio escuro
A água se pertubou !

Bem no centro da lagoa
Meio boto , meio homem
O príncipe d'água doce
Desejava a linda jovem !

O medo era mordaz
Mas estática ficou
No perau que declinava
Mariana soçobrou !

Se passasse meia noite
Lá no fundo , era pra sempre
Seu amor seria um boto
E Mariana , uma serpente

Puxou no último ar
Meio chôro , meio grito
Com os olhos rubicundos
Aquele coração aflito !

Dormira aquela jovem
Sonhando com seu amor
E no vaso da lagoa
Agonizava uma flor !

Socorreu-lhe um forasteiro
Que deu-lhe a mão e um sorriso
Ela deu-lhe o coração
E a noite o paraíso !!!


SBC-SP.05/07/2005
(por J.A.Lopes.)
José Alberto Lopes
Enviado por José Alberto Lopes em 14/02/2006
Código do texto: T111782
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Alberto Lopes
São Bernardo do Campo - São Paulo - Brasil
594 textos (36578 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 19:24)
José Alberto Lopes