Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ter Você...

A partir daquele dia
Não soube o que fazer
Apaixonei-me, quis negar.
Hoje só posso chorar

Tua boca, meu maior sonho.
Teu rosto, a mais bela das pinturas.
Teus olhos, beleza imensa.
Teu corpo, um sonho a parte.

Passei a depender de ti
Como o pintor do quadro
A abelha do mel
O artista da platéia.
Minha boca do teu corpo.

Contudo me acostumei
A solidão, amigo fiel.
O desânimo, escudeiro capaz.
A maldição, te amar.
Um sonho, ter você.
Samuel Dourado
Enviado por Samuel Dourado em 14/02/2006
Código do texto: T111871
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Samuel Dourado
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 27 anos
2 textos (169 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 18:34)