Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Não me deixe ser a última a saber

 Meu querido,
 Não me deixe ser a última a saber,
 a última a saber que
 você não me ama,
 nunca me amou
 que,
 não me deseja
 e que nunca me desejou.
 é duro gostar de você,
 sem saber do seu sentimento por mim.
 Afinal... o que sentis?
 O que queres,
 dessa pessoa que tanto te quer bem?
 Tenho quase certeza de que,
 na verdade,
 você nunca me amou,
 viveu apenas uma,
 mais uma ilusão!
 O que você quer????
 Por favor,
 não me deixe ser a úttima a saber!!!!


Bom, esse poema serviu pra me desenferrujar, pois, este é o primeiro de muitos (espero), desse ano!!!
Bruninha
Enviado por Bruninha em 07/04/2006
Código do texto: T135574
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Bruninha
São Bernardo do Campo - São Paulo - Brasil, 28 anos
16 textos (939 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 00:02)
Bruninha