Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Fluídos Virtuais

E na sôfrega saudade que me domina,
tua lembrança me exime de lamentos...
Essa chama que em meu peito fulmina,
queima ardorosa quaisquer tormentos.

Corres em minhas veias feito um rio
a nutrir os meus desejos de prazer.
 Tomas-me fêmea madura no cio...
Devoras-me e me faz enlouquecer.

Envolves-me em teus braços de ternura...
Afagas com carinhos essa mulher
que te ama, louca e docemente pura;

no teu leito enternecido adormecer...
Entre odores que exalam a doçura
de dois corpos...Ainda a estremecer.


Este poema está editado em clip e
e pode ser ouvido no meu blog.
Visitem: http://spaces.msn.com/annamuller
Anna Müller
Enviado por Anna Müller em 11/04/2006
Código do texto: T137123
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Anna Müller
Boa Vista - Roraima - Brasil, 52 anos
89 textos (4244 leituras)
11 áudios (4397 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 04:01)
Anna Müller