Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MEU NOME É SAUDADE

 
Olá! eu sou a saudade...
que bom poder te encontrar,
quero um pouco da bondade
que existe em teu meigo olhar.
 
Moro num coração
que bate desesperado,
por ter perdido a razão
querendo estar ao teu lado.
 
Vivo num vale de lágrimas
que não consigo entender,
tanta emoção que lhe cabe
por não poder te esquecer.
 
Passo noites em vigília,
tristeza me sufocando,
nunca vi tanta agonia,
no amor que vai te buscando.
 
Vejo um nostálgico poema nascer
de um coração tão carente,
que luta para não perecer
pensando em ti tão somente.
 
Ao te ver assim tão bela
posso enfim, compreender,
essa luz que te ilumina
ninguém pode esquecer.
 
E eu que era saudade
já nem sei mais o que sou...
pois perdi a identidade,
ao conhecer um imenso amor.


Para prestigiar com sua inestimável visita o site do autor, acesse:
www.LuzdaPoesia.Com
FalcaoSR
Enviado por FalcaoSR em 21/04/2006
Reeditado em 08/04/2010
Código do texto: T142598
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
FalcaoSR
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
202 textos (26765 leituras)
7 áudios (1511 audições)
8 e-livros (331 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 01:04)
FalcaoSR