Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

“Água de torneira não volta!”

“Água de torneira não volta!”

Água de torneira não volta
Cai ralo adentro, por canais que desembocam no rio
No máximo são tratadas, renovadas
E voltam como outras águas.
Límpidas, claras, novas
Fazendo o mesmo trajeto, percorrendo os mesmos canais
E caindo pelos mesmos ralos.

Somos como uma água, que já se foi
Tratamos, chegamos até a última estância
E caímos pelo mesmo ralo.
Agora só nos resta, deixar,
Que ela evapore e se transforme
Em milhões de gotas, e caia novamente em novo formato
Em novos amores, em novas paixões.

Guardei a nossa água dentro de um copo
Coloquei ao lado da cama
Não mais a bebi, não mais a toquei, não mais me molhei
Apenas olhei, evaporar.
Para que o copo volta-se vazio, e nunca mais se enchesse.
Agora a água será corrente
Saíra da torneira, caíra no ralo,
Se percorrer e molhar o coração
Irá evaporar, para nunca mais voltar!

Que seja aberta novamente a torneira,
Para que a água nunca mais pare de cair
Para que cada amor seja renovado
Para que cada sonho seja construído
Para que sejamos felizes!


Ricardo Muzafir
14/04/06

Ricardo Muzafir
Enviado por Ricardo Muzafir em 25/04/2006
Código do texto: T145301
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ricardo Muzafir
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil, 48 anos
28 textos (1623 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 06:16)
Ricardo Muzafir