Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A MULHER QUE EU DESEJO


Quero apenas uma mulher
Que seja ela mesma
Sem vícios ou vaidades
Que lhe murchem a beleza interna

Que seja delicada como uma rosa
Ou como uma flor no deserto
Que, mesmo nas dificuldades,
Jamais perca o seu viço,
Nem se apague a sua ternura.

Quero apenas uma mulher
Que saiba expressar
O que vem do coração
Ou nada a falar
Quando lhe emudece a razão.

Quero apenas uma mulher
Que seja bem feminina,
Mas sem demonstrar fraqueza.
Que seja uma mulher intuitiva,
Sem se tornar irracional.

Uma mulher que seja,
Não o ideal de beleza,
Mas o ideal da nobreza:
– A encarnação do Amor
E da veneração do homem
Com a chama de sua vela acesa
Pela deusa de seu coração eterno.
Pedro Ernesto Prosa e Verso
Enviado por Pedro Ernesto Prosa e Verso em 01/05/2006
Código do texto: T148334
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Pedro Ernesto Prosa e Verso
Fortaleza - Ceará - Brasil
439 textos (8781 leituras)
1 e-livros (6 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 20:06)
Pedro Ernesto Prosa e Verso

Site do Escritor