Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pela vida sem tê-la aos braços

Passar pela vida sem tê-la aos braços
É ter vivido cada instante apenas por viver...
É ter perdido a vida em momentos baços
Que faço de tudo para esquecer.

O universo está preso em seus olhos
E eu perdido entre as estrelas
Contando os meus atos vãos, contraditórios
De maneiras para suas mãos, as minhas retê-las.

Estranho é, pois que não me reconheço.
Quero ao seu lado ficar em deleito
Mas, às vezes, juro, dela me esqueço.

Nessas horas, rolando em meu leito,
Rezo para ela um fervoroso terço
A fim de abrandar a dor que me fica no peito.
Alberto da Cruz
Enviado por Alberto da Cruz em 14/05/2006
Código do texto: T155806

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite Alberto da Cruz e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Alberto da Cruz
Angra dos Reis - Rio de Janeiro - Brasil, 35 anos
201 textos (24161 leituras)
15 áudios (1092 audições)
6 e-livros (1207 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 05:22)
Alberto da Cruz