Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ALGEMAS DE NÉON - sou prisioneiro da noite.

Por que ela me arrasta assim
Me levando ao ermo errante
Quando me consome e enfim
Ao auge da sina, sou seu amante

O brilho do sol  já não olho
Pela fobia de minhas retinas
Que temem ao ver luz do dia
A transparecer pela neblina

Sou agora criatura da noite
Com o sexto sentido aguçado
Me passo sempre por presa
Na caçada sou eu quem caço

Ao cair da noite tudo se sabe
Tudo se  mistura a luz da lua
De  maduro me torno menino
brinco de sonhar de amor na rua

A noite prende meu coração
Não pela força nem pelo poder
A noite me faz de servo  cativo
Prisioneiro em algemas de néons
Zoiudo
Enviado por Zoiudo em 19/05/2006
Código do texto: T159250
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Zoiudo
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil, 60 anos
82 textos (5736 leituras)
11 áudios (1362 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 08:34)
Zoiudo