Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Não quero mais amores de sábado

Busco nesses turvos caminhos
que a vida me oferece
encontrar alguém por quem
meu coração bata mais forte,

alguém que eu olhe
e me sinta seguro
pra dividir os meus sonhos
e meus segredos mais íntimos,

alguém que eu possa proteger,
dar carinho e atenção,
e caminhar lado à lado
nas noites tempestuosas...

Busco a minha flor
que nasce no monte mais alto,
busco o meu imenso céu,
onde plantarei constelações de poetas...

Busco, apesar de tudo
me mostrar que é impossível
existir o amor puro,
e desinteressado...

Não quero mais amores de sábado,
quero amar todo dia,
não quero o rastro de cometas,
eu quero a estrela d’alva...
Poeta Devaneador
Enviado por Poeta Devaneador em 23/05/2006
Código do texto: T161695

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (cite Itamar Eduardo Gonçalves de Oliveira e eduardogoncalves@hotmail.fr) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Poeta Devaneador
Rondonópolis - Mato Grosso - Brasil, 29 anos
82 textos (3896 leituras)
1 e-livros (99 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 03:01)
Poeta Devaneador