Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Singela

Tu tens o poder da beleza
Mesmo assim teu és singela.
Tu tens o poder de envolver
A natureza deixando-a ainda
Mais bela.
Mesmo assim tu és singela.

Tu tens a doce meiguice
Aflorada em tua face, pois
Tu és singela.
Tu és tão linda que realça
As cores das rosas amarelas.
Mesmo assim tu és singela.

Tu trazes o encanto das rosas
Cor de rosas realçando sua beleza
Quando fica toda prosa.
Frágil e delicada com este corpo
De mulher com os traços talhados
Pelo tempo marcado ainda tu és
Bela, pois tens um coração de uma
Garota singela.

Tu tens o encanto mimoso de uma
Adolescente amadurecida mesmo
Com os percalços desta vida que divisa
O amor e a dor como uma via paralela,
Tu ti manténs linda e singela.

O que faria para tê-la eternamente
Se de repente tu não estás mais aqui
Apavora-me a sensação de dizer que ti
Perdi, de não tê-la mais em meus braços
E de não mais poder acariciar

Estes traços marcados dos sulcos molhados
Do suor que transpirou o amor
Pois ainda pulsa um coração
Desejoso deste corpo em repouso
Que bate a brisa que vem pela janela
Tocando em você que permanece singela.


J Landell



Landell
Enviado por Landell em 09/06/2006
Reeditado em 10/04/2008
Código do texto: T172311
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Landell
São Paulo - São Paulo - Brasil, 58 anos
88 textos (7936 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 18:09)
Landell