Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

No final do dia

Quando acordo de manhã
O meu corpo levanta-se dos sonhos
Os meus olhos habituam-se à aurora
De um novo dia
Uma jornada que recomeça, dia-a-dia
Caminho ao longo das horas
Arrasto-me pelos meus hábitos
Desejando que o dia termine
Foco-me na realidade enfadonha
De que todos os dias são tão iguais
E, no entanto, tão diferentes
Todos os dias se desenrolam
Da mesma forma, tristemente
Obrigações que me puxam, minuto a minuto
Quando paro
A minha mente deita-se na realidade
Sei que no final do dia
Chega a minha recompensa
A tua presença, a tua chegada
É como uma brisa, num dia quente
É um oásis no deserto árido
Que era a minha vida.
Gasosa
Enviado por Gasosa em 11/06/2006
Reeditado em 15/08/2006
Código do texto: T173649
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Gasosa
Portugal
60 textos (4071 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 03:58)
Gasosa