Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amante incondicional

Com este alarido em harmonia
se eu fosse teu bem me libertaria

dos afazeres do dia-a-dia
só para me prender sem alforria

nos prazeres deste amor
- ou seria paixão, despudor -

até quase morrer feito beija-flor
afogado na concupiscência que extasia.

Afinal, aquém do mérito da filosofia
o que é a vida, analisa:

senão um punhado de dias
imprevisíveis e enxarcados de suor

para se arcar com os ares de doutor
e o conceito de sucesso que nos dita

esta sociedade decrépita e estúpida
- e a hipocrisia que nos veda a vida lúdica -

Portanto, se eu fosse teu bem me jogaria,
cego, no teu colo de amante incondicional

e causaria incomensurável dano moral
à enfadonha e insossa monotonia.

Cid Rodrigues Rubelita
Enviado por Cid Rodrigues Rubelita em 22/06/2006
Código do texto: T180035
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Cid Rodrigues Rubelita
Curitiba - Paraná - Brasil
146 textos (4844 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 05:09)
Cid Rodrigues Rubelita