Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

utopia




COMO É FÁCIL ,SABER QUERER.
ESPRESSAR DO INTERIOR, E DIZER
FINGIR, NÃO ACREDITAR  EM TER
MAS ESTAR AQUI PARA DESCENDER.
FELIZ ESTOU EM O CORRESPONDER.
APARECEU NO VAZIO DO ENTRISTECER
QUE VAGAVA, NOS LABIRINTOS DO PRAZER.

FUGINDO PELAS NOITES BUSCANDO VIVER.
RETORNANDO PARA CASA PARA VOLTAR A SOFRER.
TRISTE VIDA, FAZENDO-ME DECRESCER;
SUFOCADO NA LAMA, NEGANDO A ENTENDER.

LINDA DAMA, TENHO QUE DEFENDER;
SEM ELA ESTARIA A DESCONHECER
O SENTIMENTO QUE FEZ REVIVESCER
A CRIATURA QUE EU APRENDI A SER.




Cristiano Rezende.

cristiano rezende
Enviado por cristiano rezende em 26/06/2006
Reeditado em 27/04/2008
Código do texto: T182876
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
cristiano rezende
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 41 anos
38 textos (2592 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 19:57)
cristiano rezende