Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O piano e o órgão

Desde que chegou a tecnologia
e tornaram-se higt tech os instrumentos
há um órgão “quase sacro” em nostalgia
alijado deste moderno tempo.

Desliza os dedos a pianista
no teclado sonoro do piano.
Na agenda desta estonteante artista
jamais há espaço, e o órgão mofando.

Assim no ostracismo de dois vãos,
peleja mais que tubarão em aquário
e o desejo de ser tocado é vário,
tanto que enrijece o vetusto órgão.

De tantas vagas promessas e desencontro,
a platéias, tornou o órgão avesso.
Encontra-se agora sob uma camada de gesso;
latente, o instrumento e com ânsia de vômito.

Não obstante, quando o piano for pro especialista
será o órgão pela ninfa despertado.
Neste dia, em vibração, desesperado,
o órgão ressoará por todos póros da artista.

Sua música será tão erudita
que ela se mesclará em prantos
... e gargalhadas.

Por ininterruptos concertos, exaurida,
entregue ao órgão, qual margarida do campo,
desabrochada.
Cid Rodrigues Rubelita
Enviado por Cid Rodrigues Rubelita em 28/06/2006
Código do texto: T183853
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Cid Rodrigues Rubelita
Curitiba - Paraná - Brasil
146 textos (4844 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 20:33)
Cid Rodrigues Rubelita