Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Ser Que Ama...

É com lágrimas que empunho estas palavras de dor.
Com o coração ferido, choro por ti.
Sei que de teus olhos não verei mais aquele brilho
que me fazia o ser mais feliz de todos, já existentes.
Um sorriso talvez, mas não terá mais importância;
não sorrirás para mim.
Este aperto que assola minha alma, é simplesmente
porque não tenho-te ao meu lado, para proteger-te e te dar carinho.
Então me desespero. Choro sem saber o que fazer, nem aonde ir.
Acovardo-me a ponto de não te olhar nos olhos.
Vejo-o indiferente em suas ações.
Estás irreconhecível perante mim.
Mais ratificial, impossível.
Não estás feliz e também vejo.
O brilho de teus olhos está ofuscado pela tritesa
que o toma e faz de ti,
um ser que ama...
mas não sabe amar.
Paulo Junior Massi
Enviado por Paulo Junior Massi em 05/07/2006
Código do texto: T188087
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Paulo Junior Massi
Rio das Ostras - Rio de Janeiro - Brasil, 34 anos
20 textos (1009 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 08:20)
Paulo Junior Massi