Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O velho amor e o velho mar

Amar... o que é? O que será?
O mar parece não ter fim
Como a tristeza de amar.
O mar e o amor se parecem...
Ora calmos, mansos e quentes
Em outros momentos densos, frios, revoltos.
São capazes de te levar,
E te fazer perder.
São belos e profundos
E escondem o perigo nas sutilezas.
No fundo pode estar toda a beleza,
Mas até encontrá-la...
Quantas ondas, quantas marés altas,
Quanto sufoco...
Quem há de entender o mar e o amor?
A lua será?
Oh lua! Me diga, me mostre o caminho,
Pois estou perdida...
Mas é noite sem luar.
Rosimere Ferreira
Enviado por Rosimere Ferreira em 17/07/2006
Código do texto: T195778
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Rosimere Ferreira
Porciúncula - Rio de Janeiro - Brasil
116 textos (6349 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 02:10)
Rosimere Ferreira