Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

" MEU AMOR " ( minha Professora )

Evaldo da Veiga



Minha Professora diz, não falte não
Você é um amor de criança
Sinto tua falta quando gazeas
Olha o futuro hein, bobeias não
Você é o menino que sabe sem estudar
Estude, é bom, vai melhorar
Diz à tua mãe que na sexta vou te levar
E trago na segunda pra aula de manhã
Que não se preocupe com roupas
Leve só dois calções e escova de dente
É verão, pouca roupa é tudo de bom
Ano que vem você vai pra terceira série
Um meninão com nove anos
Não sei se serei sua Professora
Vou aproveitar esta convivência tão linda
Sentir-te sorrindo pra vida, pra mim, pro carinho...

Eu faltava quando você estava com todos
Comigo só, jamais faltei, amo tua presença
Gazeio pra te ver de longe e sentir saudade
Ver-te caminhando na restinga, ao meu lado
Comermos pitanga e ver os cavalos vadios fazer amor
Meu futuro não sei com vai ser, quero você é agora
Sexta eu vou, nem que eu tenha que me emancipar
Volto na segunda porque está no regulamento
Por mim ficava pra sempre ao teu lado
Sendo menino, companhia, teu homem escondido
O melhor da vida é fingir de dormir e sentir tuas pernas
Teu senso protetor que me abraça, num aconchego lindo
Minha excitação é inocência, que dura duro o tempo todo
Você aproveita como Santa, foi eleita por mim
E eu fui a ti, para amar, sorrir, sentir, excitar
Sem dizer nada, comentar jamais, assim me preservo
Mantenho minha linda e imorredoura inocência
Nos curtimos a noite toda, 
sem cansaço, sem culpa, sem pecado.

www.recantodasletras.com.br/autores/evaldodaveiga


evaldodaveiga@yahoo.com.br
Evaldo da Veiga
Enviado por Evaldo da Veiga em 28/07/2006
Reeditado em 31/05/2007
Código do texto: T203722

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Evaldo da Veiga
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil, 73 anos
952 textos (313617 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 09:37)
Evaldo da Veiga