Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Canção de um só coração que não basta

Conto-vos Eros, deuses que sóis
Se ao amor queres me ver entregue
Manda cá por está terra o amor...
Alguém que faz-me rir e tanto e leve...
Porque são tantas as lágrimas choradas
Que nem se o quisesse poderiam ser contadas!

Meu coração não é tão forte... não passa!
Que por sofrer tanto de amor na vida
Já concluo que um coração só não me basta!

Me atendes Amor, não me negues
A ínfimo mortal esta guarida
Que por expor-me assim a amar
Fui matar-me a própria vida
Que seja mais poderoso que o poder
E meu coração ao menos o possa proteger!

Meu coração não é tão forte... não passa!
Que por sofrer tanto de amor na vida
Já concluo que um coração só não me basta!

Se poder te posso fazer-te último pedido
Rogo-te que um bom amor me apronte
E se não disse ainda o desejo
É por temer ficar-me rubra a fronte
Que me olhes com olhos de Voluptas
Que sejam só sussurros que se escutas!

Meu coração não é tão forte... não passa!
Que por sofrer tanto de amor na vida
Já concluo que um coração só não me basta!

Atendes Eros, deuses que sóis
Este pedido sincero que me pus a fazer
Que ao encontrar sincero amor encontre
O que encontrastes tão somente em Psiquê
Pois meu coração em passado mal de amor já sofre
Que agora há de matá-lo apenas mais um golpe!

Meu coração não é tão forte... não passa!
Que por sofrer tanto de amor na vida
Já concluo que um coração só não me basta!
dhália
Enviado por dhália em 28/07/2006
Código do texto: T203831
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
dhália
Salvador - Bahia - Brasil
238 textos (5113 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 02:46)
dhália