Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Me fazei Sentir que estou errado

Me fazei estar errado,
Me fazei entender que o meu erro; está no meu pensar
Ai eu te diria: que a mim, o fim de tudo chegou...

[...Quanto sentir congelado está por ai a viver...]
 
me dizes que eu estou errado!
Me dizes, mente pra mim, me deixa entender que o que sou é
                                       [um desvairado...

Que em mim não existe nenhuma Razão, que vós não estais
                               [preocupado com o Sentir.

Por que não ouço tua voz?
Me dizes que tudo é uma mentira, só minha
Só ouço a dor de meu peito, tuas palavras que tanto me
                        [atormenta estão em silêncio...
Sinto a dor pela confusão de ver-te diferente do que sente
Vejo e não entendo, mas sinto o que sinto
Sinto o teu medo, medo da dor do sofrer, pelo sentir.
Trancando toda sua vida, numa prisão do contentamento
Em que o segredo, posso facilmente ver nos teus olhos

FAZE-MES VER......QUE LOUCO SOU EU?
QUE TUDO NÃO PASSA DE UMA IMENSA INSENSATEZ, MINHA!

...CHAMAS DO QUE TU QUISERES
MAS ME FAZES SENTIR, POIS SENTINDO,
SABEREI QUE NADA SOU ALÉM DE UMA MENTIRA

Aí... eu te diria, que não saberia o que procurar pra viver
Eu morreria pra vida e viveria pra morte
Pois pra mim, mas nada valeria.
Se eu não pudesse mais sentir, que todos querem, a
                             [liberdade de sentir!!!
Ramorim Coelho
Enviado por Ramorim Coelho em 28/07/2006
Reeditado em 06/09/2006
Código do texto: T204159
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ramorim Coelho
Chá de Alegria - Pernambuco - Brasil
23 textos (834 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 16:41)