Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema íntimo

Estou agora com o peito mais quente
Meu coração está totalmente seguro
Suas mãos tão lisas, e tão delicadas
Como a lua a afagar os namorados

Então, os ventos trazem o som do mundo
Folhas de palmeiras a beira-brisa
E o mar, gostoso a me levar
Desenha ondas só para me afogar

Afogo-me quando me “afagamornapraia”
Sente o amor e o carinho com que te beijo
E mergulho cego em teus cabelos
Não me deixe falar sozinho, por favor.

Como meus olhos gostam dos teus!
E como sinto você me conduzir
É bailarina a patinar  sobre o mar
O mar de carinhos que insisto em naufragar

Meu amor, hoje o dia acaba
Meu amor, não vimos a tarde cair
Me deixa muito encantado com tua preguiça
De manhã, descansada sobre a cama

Não abra totalmente os olhos
Diz agora mais uma vez
Me enlaça com tuas palavras outra vez
Diz-me o que sempre te digo, me ama.
Andrié Silva
Enviado por Andrié Silva em 05/08/2006
Código do texto: T209799

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Andrié Keller ( baadermeinhofblues@hotmail.com ) Brasil - http://www.recantodasletras.com.br/autores/andrie). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Andrié Silva
Salvador - Bahia - Brasil, 27 anos
912 textos (98468 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 18:36)
Andrié Silva