Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amor antigo

Dize logo, querido
Se guardas no peito o fogo
Desse teu amor antigo?

Onde gorjeias, querido
Teu sonhos que andam por cá?
Se escondes amor antigo
Que venha tão logo falar
Que sinto no peito tamanho
Maior amor não tem igual
Que chora e sofre sozinho
E diz ser causa de tanto mal
Pois sabes tu, malvado...
Que fostes também o culpado!

Dize logo, querido
Se guardas no peito o fogo
Desse teu amor antigo?

Onde andam os sentimentos
Que um dia tivestes por mim?
E este tão cruel e vil tormento
Parece não mais ter fim
Porque amo com este amor
Que verdadeiro falam ser
E de tão forte como for
Que não posso mais padecer
Porque tão deste amor te livraste
Quanto tão só em meu peito ficaste!

Dize logo, querido
Se guardas no peito o fogo
Desse teu amor antigo?

dhália
Enviado por dhália em 06/08/2006
Código do texto: T210104
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
dhália
Salvador - Bahia - Brasil
238 textos (5113 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 02:04)
dhália