Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Saudades


as saudades
apoderam-se
do meu
coração
arrastam
a minha alma
e colocam
o meu corpo
em
decomposição

espero-te
a cada
noite
que passa

gelo
com a
angustia
de te sentir
ausente
percorro
a minha
cama
até ao fundo
mas não
te vejo

por onde
andas
que será
feito de ti,
se na hora
que preciso
não te
encontro,
porque
demoras
tanto,
vou
esperar-te
mais
uma noite

presinto
que hoje
virás
e assim
matarei
as saudades
que me
afogam

deixo
a porta
entreaberta
e nela um ramo
de rosmaninho
quero
perfumar
o caminho
quero ter-te
a meu lado
vem
meu bem
amado.



Fera Ferida
Enviado por Fera Ferida em 11/08/2006
Código do texto: T214291
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Fera Ferida
Portugal, 41 anos
59 textos (1660 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 12:11)
Fera Ferida