Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vênus do Amor

Quanta melancolia de anjo existe
No florido noivado das alturas;
Que graça ideal,amargamente triste
Nos círculos dantescos da loucura.

Sinto vibrar em mim o tropel de paixões,
Fico parado,em êxtase suspenso-
Eldorado banal de nossas ilusões,
Mistério simples do teu ser imenso.

Vênus!Deixai um instante os amantes,
Ligeiros corações na fortuna errantes
Tem dó!Desses seres inquietos

Que tentam calar,por lentas horas,
Num concerto de lágrimas sonoras
Os amores perdidos,nostálgicos,secretos!


N:Assim trabalha Vênus,comprazendo-se em unir formas e almas desiguais,sob o jugo brônzeo...E assim se diverte.
Grohmann
Enviado por Grohmann em 18/08/2006
Reeditado em 18/08/2006
Código do texto: T219457
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Grohmann
Itu - São Paulo - Brasil
44 textos (1849 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 19:37)