Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tempos Partidos

Então, sentamos na varanda
e contemplamos nosso tempo...
Tempo de vários outros tempos partidos.
Somos velhos agora
e herdamos as marcas de nossa juventude.
Mosaico dos cacos que sobraram
da grande catástrofe que foi nossa inconseqüência.
Somos trapos mal emendados...
Em nosso tempo, eis a melhor hora!
A hora em que sentamos na varanda
e observamos que apesar de tolos
fomos meios heróis
que quando se uniram
formaram um só perfeito que mudou alguma coisa...
Seu jeito de ser, pensar, agir.
Abandonamos nossa infantilidade, meu velho.
Mas não perdemos nossa infância.
Abandonamos nossa impulsividade, meu velho.
Mas não perdemos o calor de nossas palavras.
Meu velho, você abandonou alguns vícios...
Sua velha abandonou um pouco suas verdades mais certas...
Abandonamos porque preferimos sentar nessa varanda agora.
Agora somos calmos, porque somos partidos.
E partidos e emendados de várias coisas,
somos completos.
Nosso tempo é nosso porque o fizemos juntos.
Do contrário, seria apenas seu tempo
e outro o meu tempo
e seriam dois tempos, incompletos.
Nossos filhos, netos, bisnetos
são o que tiramos de melhor desses cacos
trapos mal emendados
que somos hoje...


Violet
Enviado por Violet em 19/08/2006
Código do texto: T220056
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Violet
Teresópolis - Rio de Janeiro - Brasil, 26 anos
11 textos (337 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 17:22)
Violet