Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MULHER BALZAQUIANA



Mulher balzaquiana,
Andas remexendo os quadris,
Em suave bambolear.
Seus passos ferindo a calçada,
A minha curiosidade,vem aguçar.

Sem pensar me ponho a segui-la.
Cauteloso e despreocupado,
Me vejo a vagar.
Pelas ruas da cidade,
Sem me importar,
De sua intimidade,
Poder compartilhar.

Um excitamento começo a sentir,
Enquanto tu andas, sem poder ouvir,
Os passos atrevidos,
Que persistem em lhe seguir.
Gilberto Feliciano de Oliveira
Enviado por Gilberto Feliciano de Oliveira em 19/08/2006
Código do texto: T220447
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gilberto Feliciano de Oliveira
Araguari - Minas Gerais - Brasil, 61 anos
75 textos (8104 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 08:38)