Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SEU TOQUE

Quando seu toque ardente me alcançou
A noite já se fazia alta
E o tempo solitário e longo
Lentamente passava.

Segurar o tempo foi impossível
Você, naquele momento, era minha.
Precisava (e preciso) do seu amor,
Sem ele nada sou.

Aquele momento o tempo era lento,
Amei-o e amei-te.
Sentindo fielmente esse ardente corpo
Prostrei-me diante de ti como um vencido.

Preciso, agora, do seu amor.
O tempo lentamente passa
E eu solitário e ardendo
Em febre (de amor), amor, te espero.

O tempo passa,
Você não vê,
Você não vem.

Espero por você,
Amor ardente,
Ardente amor.

Como rios de braços abertos,
Amor ardente,
Ainda espero você.

Espero você,
Amor,
Ardente amor.

Outubro / 1999
Prof Pece
Enviado por Prof Pece em 26/08/2006
Código do texto: T225470
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Prof Pece
Araçatuba - São Paulo - Brasil, 45 anos
243 textos (25944 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 23:59)
Prof Pece