Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Donzela Celta

Oiço a doce melodia do violino
Da minha graciosa donzela celta
De cabelo solto no meu olhar cristalino
Dançando fervorosa, ligeira e esbelta.

Toca e dança, deslumbra e encanta.
Completa-me com o seu ser.
Ouro. Muito ouro. Todo o ouro. Não adianta.
Tudo o que quero é vê-la feliz até morrer.

Para o Mundo, a minha donzela
Não passa de ilusão e loucura,
Mas é-me em tudo bela,
E vive em mim trancada sem fechadura.

Ela respira e faz-me viver.
Ela toca e dança de noite e de dia.
Vive por mim em mim sem morrer,
Porque a minha donzela é a poesia.
Auron Wintermoon
Enviado por Auron Wintermoon em 13/09/2006
Código do texto: T239521
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Auron Wintermoon
Portugal
11 textos (475 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 18:21)
Auron Wintermoon