Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Na cama,na relva ...onde for!

De olhos abertos comtemplas meu rosto
roçando  em   meu corpo meu ser atiçando
suspiros profundos respiração ofegante
carinhos desnudos coração palpitante

braços torneados me envolvem a pele
num abraço apertado meu corpo estremece
lábios molhados encontram com os meus
sedentos meus dedos acolhem os teus

Parece uma luta bravata de paz
meu corpo vencido so quer muito mais
murmurios baixinho transformam-se em ais
segredos no ouvido desejos demais

Por dentro meu corpo arde em labaredas
de olhos fechados percorro tuas veredas
de vez em teus braços perco a lucidêz
termino essa fase querendo outra vez
Lucina Duarte
Enviado por Lucina Duarte em 16/09/2006
Código do texto: T241553
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Lucina Duarte
São Gonçalo do Rio Abaixo - Minas Gerais - Brasil
136 textos (7238 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 10:41)
Lucina Duarte