Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MÁGOA

Uma lambida salgada
Numa lágrima escorrida
E uma música tocada
Traz ao martírio esta vida

O dedo da saudade toca sem pena
As chagas no coração
A mão da tristeza ascena
Anunciando a solidão

Porque destino meus lábios
Teimosos não se calaram
Alheios a todos os sábios
Palavras maldosas falaram

Caiu-me à cabeça a desgraça
Daquelas que proferi
A mágoa sem trégua me abraça
Por um amor que perdi

Só resta velha saudade
De um tempo a muito findado
Sequer sobrou  amizade
Desse amor do passado.

Vera Lucia Trindade
Enviado por Vera Lucia Trindade em 20/09/2006
Reeditado em 21/09/2006
Código do texto: T244931
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Vera Lucia Trindade
Florianópolis - Santa Catarina - Brasil, 44 anos
11 textos (933 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 22:28)
Vera Lucia Trindade