Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Epístola à Tristeza!!

Bom dia Tristeza!!

Minha vida é tão corrida,
o tempo parece que se escondeu.
Há tempos não te vejo,

não me lembro se teve algum motivo. Teve?
Para o nosso desencontro.
Não sei onde deixei o tempo
Aquele, que era pra te Visitar.

Minha querida, quero que saibas
De te não guardei nenhuma magóa.
Por isso te escrevo, com letras de saudades:

"Se acaso encontrares o nosso tempo, e
desejardes visitar-nos;

Te esperaremos de corações abertos
Te encheremos de carinhos e,
contaremos pra ti todas as nossas novidades.
Saibas que a nossa porta,
sempre a deixamos aberta, como o céu aos pássaros.

Att.
De seus amigos que te amam e tanto te quer o bem:
Eu e Alegria
Ramorim Coelho
Enviado por Ramorim Coelho em 22/09/2006
Reeditado em 22/09/2006
Código do texto: T246549
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ramorim Coelho
Chá de Alegria - Pernambuco - Brasil
23 textos (834 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 08:42)