Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DESCOBERTA

Menina, tu não me olhes
Com verdes olhos assim
Olhando assim desse jeito
Com verdes olhos perfeitos
Tu me deixas carmesim

Menina, não me condenes
Por ser tão frágil assim
É que teus olhos luzentes
Muito mais que duas lentes
São duas estrelas em mim

Menina, meu coração
bate forte, tanto assim
Que o meu corpo estremece
O meu ser todo padece
Quando estás perto de mim

Menina, tu sabes bem
Por que se passa assim
São teus olhos transparentes
Verdes olhos envolventes
Descobrindo o amor em mim
JCMARINHO
Enviado por JCMARINHO em 26/09/2006
Código do texto: T249950
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
JCMARINHO
Recife - Pernambuco - Brasil, 64 anos
25 textos (1156 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 00:10)
JCMARINHO